X
GO
Doenças Crónicas

Asma e Doenças Respiratórias

Asma é uma doença inflamatória das vias respiratórias que se manifesta por crises de falta de ar, tosse, “pieira”, sensação de aperto no peito ou cansaço.

Asma e Doenças Respiratórias

Os sintomas de asma estão associados a uma obstrução parcial ou à presença de mucosidade nas vias respiratórias, ambos contribuindo para o estreitamento dos brônquios e para a dificuldade em respirar. Em Portugal mais de 600.000 pessoas sofrem de asma crónica, com maior incidência nas crianças. 

Quando acontece na infância, a asma é associada a fraqueza hereditária, que consiste na deficiência dos sistemas de defesa do chi do pulmão e do rim. Esta fraqueza faz com que o vento crónico se aloje nos pulmões, provocando broncoespasmos.

Asma tardia pode ser resultado de vazio de chi do pulmão e rim, e vazio de chi do baço e pâncreas. A alimentação irregular, excesso de trabalho e stress debilitam o baço, provocando mucosidade interna e êxtase de chi no fígado.

Tratamento da Asma com Medicina Chinesa

No tratamento da asma, como nas restantes doenças crónicas, a Medicina Chinesa procura combater as causas da doença* e não apenas tratar os sintomas.

Factores patogénicos externos, como o factor “vento”, estão presentes nos casos de asma. A identificação rigorosa destes factores possibilita o estabelecimento de uma estratégia eficaz para o tratamento. A estratégia da Medicina Chinesa para o tratamento da asma baseia-se em repelir o “vento”, eliminado assim o factor externo que está na origem da disfunção do sistema respiratório, tonificando o pulmão e os rins, fortalecendo-os.

Vantagens da Medicina Chinesa no tratamento da asma:

  • Sem químicos
  • Sem efeitos secundários
  • Sem ansiedade, sem stress
  • Efeitos prolongados *

* Disclaimer: Os resultados variam de pessoa para pessoa, dependendo de condições de saúde prévias, bem como do cumprimento das orientações do terapeuta
Marcar Consulta

Check up para tratamento da Asma

Antes de iniciar o tratamento da asma, o Especialista em Medicina Chinesa efectua um rigoroso diagnóstico energético utilizando técnicas específicas, que passam pela interpretação de sintomas, de aparências e de sinais subtis do corpo. Alguns indicadores são obtidos a partir da observação da língua, face, olhos, pulso e também do corpo.

Nos pacientes com asma, normalmente são identificadas deficiências no chi do pulmão e do baço.

O chi do pulmão é responsável pelo funcionamento do sistema respiratório, enquanto que o do baço controla o transporte de líquidos no organismo, entre os quais o muco que se pode alojar nos pulmões. Com a identificação da origem e tipo de desequilíbrio, o Especialista em Medicina Chinesa estabelece o programa terapêutico adequado e inicia, na mesma sessão, o tratamento da asma.

Programa terapêutico para o tratamento da Asma

No tratamento da asma com a Medicina Chinesa, o terapeuta faz uso de um conjunto abrangente de disciplinas, garantindo a eficácia e complementaridade do processo.

A fitoterapia utiliza-se para fortalecer o chi do pulmão ou do baço a fim de prevenir ou eliminar a mucosidade. 

A dietética actua no tratamento da asma, evitando doces, lacticínios e iogurtes que contribuem para a formação de mucosidade nos pulmões. As sessões de acupunctura tratam o chi do pulmão visando o fortalecimento do sistema imunitário. Existem protocolos de acupunctura quer para o alívio imediato da asma, quer para a eliminação da própria condição asmática.

No tratamento da asma, o número de sessões é variável, dependendo da gravidade dos sintomas e da resposta do organismo ao programa terapêutico. Apesar de o enfoque ser a erradicação definitiva da asma, na maior parte dos casos, regista-se diminuição dos sintomas logo após a primeira consulta.

Partilhar

Mais sobre Doenças Crónicas