X
GO

Guia sobrevivência para comidas na época Natal

Verdade assustadora:
Guia sobrevivência para comidas na época Natal

Para ganhar 3kg daqui até ao final de Janeiro, basta comer em média 200 calorias por dia, a mais do que precisa: uns caramelos aqui, molho de manteiga acolá, uma fatia bolo-rei…

Geralmente, a época de Natal encoraja as pessoas a entrar num regime de alto teor de gordura, alto teor calórico, alimentos pouco nutritivos, para além de ser a altura do ano em que estamos mais propensos a arranjar desculpas para não fazer exercício.

Consumo açúcar:

Um dos maiores perigos alimentares. Os problemas surgem por andar numa montanha russa de açúcar. Quando abusa do açúcar, acaba por querer cada vez mais.

O abuso do açúcar pode provocar uma queda nos níveis de serotonina – uma substância química no cérebro que regula o sono e o apetite. A falta de serotonina é muitas vezes associada a depressão.

Recuperar níveis de serotonina:

Para aumentar de forma natural os níveis de serotonina, faça pequenas e frequentes refeições que incluam vegetais ricos em amido. Também consegue controlar os níveis de açúcar no sangue, comendo pequenas quantidades de proteína três vezes por dia. Por exemplo, coma duas claras de ovo de manhã, peru ao almoço e um pouco de peixe grelhado ao jantar 

Exercício físico

Deve manter a prática regular de exercício físico durante a época de Natal e não aceitar desculpas. O exercício físico aumenta as endorfinas e quando as endorfinas estão elevadas consegue lidar melhor com o stress.

Dicas para sobrevivência na época de Natal:
  • Exercício físico uma hora por dia. Exercício para queimar calorias, nesta época do ano, aliviar o stress e elevar o nível de endorfinas. Caminhada rápida, jogging ou passeio de bicicleta são excelentes.
  • Evite não comer gorduras. Comer quantidades moderadas de gordura, durante a época de Natal, vai saciar o apetite e evitar excesso de hidratos de carbono. 35-65 gramas de gorduras por dia serão suficientes para a maior parte das pessoas.
  • Não salte refeições. A fome e falta de açúcar no sangue levam a excessos.
  • Consumo moderado é chave. Não deixe de comer as suas comidas favoritas nem se prive completamente.
  • Não corra riscos desnecessários. Não mantenha alimentos tentadores em casa. Se os tiver, aumenta com certeza a probabilidade de comer demais.
  • Planeie as refeições mantendo presentes os compromissos e exigências agendadas para cada dia. 
  • Não vá para uma festa com fome. Antes de sair de casa, coma qualquer coisa leve ou beba um batido proteico. Beba muita água no dia da festa.
  • Não fique muito tempo junto à zona do buffet. Nos eventos tome a decisão firme de se distanciar das guloseimas
  • As bebidas alcoólicas têm imensas calorias. Se tiver de beber álcool, opte por uma cerveja ou champagne leves.
  • Se se sentir deprimida, acalme o espírito com uma massagem, sessão de manicura ou com um tratamento de rosto. Os homens também podem desfrutar deste truque.
  • Quando for às compras, coma antes de sair de casa para depois não fazer paragens para comer bolinhos.
  • Para os doces, estabeleça limites. Por exemplo, decida que come sobremesa duas vezes por semana, 250 calorias cada.
  • Só porque é Natal não significa que pode comer tudo o que lhe aparece pela frente. Faça a gestão dos pequenos extras na sua alimentação diária
  • Guarde as gorduras e calorias para as horas de festa. Entretanto, coma arroz selvagem, batata-doce, cereais integrais…
  • Se estiver com família ou amigos, peça-lhes um espacinho no frigorífico e tenha alimentos à mão para fazer um snack, tais como carnes magras, vegetais, queijos pouco gordos, etc.
  • Se tem tendência para comer demais nos almoços, visualize e planeie o quê e quanto vai comer antes de ir.
  • Se realmente quiser manter-se fiel a si próprio – com o mesmo peso - durante a época de Natal vista as suas jeans mais justinhas. Outro truque é atar um cordel ou fita à volta da cintura, por baixo da blusa.
  • Se está à mercê do anfitrião do jantar, coma pequenas quantidades das comidas oferecidas e sirva-se de mais fibras e menos calorias. Faça um prato pequeno e não repita
  • Faça um momento de reflexão ou meditação pelo menos uma vez por dia. Respire profundamente e limpe a sua mente de toda a confusão.
  • Coma tudo o que quiser no dia de Natal. Mas só nesse dia. Se comer demais, volte ao seu plano regular no dia seguinte.
  • Aproveite a época de natal e não apenas a comida!
Partilhar
Fale Connosco

Mais sobre Emagrecer